Follow by Email

Translate

segunda-feira, 2 de agosto de 2010


500 CASAS DESTRUÍDAS EM CANELA!!!
Em meados de julho/2010, cerca de 500 casas foram completamente destruídas em Canela/RS por um provável tornado. Uma destruição total, as casas ficaram arrasadas!
Embora essas coisas tão violentas, de destruições tão claras e arrasadoras só começaram a acontecer no Brasil depois que o FHC e seu neoliberalismo trouxeram ao país as nefastas termoelétricas bem como o Lula deu continuidade e aumento disso e obtivemos o consequente aumento de destruição de cidades, como tenho demonstrado desde o começo, ainda tem engraçadinho que diz que isso sempre existiu no Brasil, apenas que não era registrado, ao mesmo tempo em que a mídia em geral trata esses acontecimentos como se fosse coisa normal e comum no Brasil desde sempre. Ora, é o mesmo que dizer que antes de 1996-97 (quando começaram as instalações de termoelétricas no Brasil) não existia imprensa, nem TV, nem rádio, nem filmagens, nem fotos, nem nenhuma mídia que pudesse registrar tais absurdos. Têm outros ainda que culpam o aquecimento “global” imediatamente, sem nem mesmo saberem cientificamente o que é esse tal de aquecimento global. Como eu já havia demonstrado através de vários artigos (especialmente no site parceiro Aondevamos, o qual está fora do ar), as correntes da Amazônia bem como o tal do aquecimento global não têm capacidade de gerar tais fenômenos tão violentos porque suas temperaturas são apenas da ordem das temperaturas ambientes, as quais não têm poder de gerar ventos tão fortes.
Também demonstrei no referido site, que os conhecidos tornados e furacões dos EUA acontecem sempre do centro daquele país invasor para a direita, isto é, do centro para o leste, em cuja região também se encontra a enorme maior quantidade de termelétricas dos maiores beligerantes do mundo (e, por serem assim, ainda ganham premio Nobel da paz). Mas, não dependo apenas dessa constatação (descoberta por mim!), pois também posso demonstrar que ventos de qualquer intensidade, incluindo dos tornados e furacões, dependem das diferenças de pressões, as quais, sendo grandes, causam grandes destruições, mas para isso dependem de grandes diferenças de temperaturas. Não apenas posso demonstrar através de conceitos físicos, mas também matematicamente. E, então, sobra pra quem a culpa? Afirmo (e posso calcular) que sobra para as termoelétricas, que são capazes de lançar na atmosfera mais de 2 mil toneladas de gases a mais de mil ou dois mil graus Celsius! Dou 5 minutos pra plateia dizer se existem outras fontes geradoras de tão grandes diferenças de temperaturas e pressões na atmosfera. Vamos, o tempo tá passando...
Apaguem essas usinas do Brasil que todas essas destruições vão acabar e essas usinas, inclusive, também geram energia muito cara e poluem o ar enormemente com a tremenda quantidade de partículas jogadas para a atmosfera. O Brasil nunca precisou dessa energia “alternativa” e violentamente danosa ao povo e ao país e agora precisa escolher se quer continuar com elas e também com todas essas destruições de cidades inteiras, que nunca aconteceram antes delas no país. Façam um test drive de 5 anos e neste período não haverá tornados nem furacões no Brasil!